quarta-feira, 23 de julho de 2014

Dois altoalegrenses são presos com o estelionatário considerado o maior hacker do Maranhão



John Cleiton
O Serviço de Inteligência do 15º BPM prendeu em Bacabal, John Cleiton Maia Sousa, de 22 anos, apontado como o principal e mais perigoso hacker do Maranhão, e um dos cinco de todo o país. Ele é acusado de possuir inúmeros bens, móveis e imóveis, entre apartamentos, pousadas e fazendas, além de animais e veículos, tudo em nome de laranjas. Com ele a polícia encontrou R$ 4.198,00 (quatro mil cento e noventa e oito reais); 1 celular; 05 carteiras de identidade; comprovantes de compra e extratos bancários; 02 HD’s; 01 pendrive; 03 carteiras de trabalho; John roubava cerca de 50 mil contas.
Tirava 0,33 centavos de cada uma e o correntista nem desconfiava. 

Motorísta Sebastião - Edite Machado- Cleide Soares
Ele e a mãe são responsáveis por uma empresa de créditos de nome Reizinha Créditos, que oferece empréstimos a aposentados e pensionistas, localizada no centro da cidade de Bacabal- Ma. Com John foram presos Maria Edite Machado Aguiar, 40 anos residente em Alto Alegre -Ma, Cleide Soares dos Santos, 40 anos, e o motorista Sebastião Bezerra dos Santos também residente em Alto Alegre-Ma, quando retornavam de Timon, onde tinham feito saques em agências bancárias utilizando de carteiras de identidade falsas e cartões clonados. John Cleiton ainda tentou subornar os policiais no momento da prisão. Ele ofereceu R$ 300 mil aos PM’s para que seu computador não fosse apresentado à justiça. 
O hacker chegou a demonstrar aos policiais como realizava as transações. Em poucos minutos invadiu o sistema Dataprev (da previdência social), Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e todos os bancos privados, criando contas instantâneas, vendo toda movimentação financeira de milhões de clientes e fazendo transferências de dinheiro. Ele ainda confessou que estes sistemas são amplamente falhos e permitem fraudes. John e seus comparsas permanecem presos em Bacabal.

Pedra sobre pedra: Pedrita uma usuária de crak não recebe o troco e denuncia os vendedores de pedra de crak.



Vangel e Elma
Na manhã de hoje quarta-feira 23/07/14 a policia militar de Alto Alegre prendeu dois vendedores de crak e um suspeito de traficon de Maconha.
Os dois presos vendendo crak foram: Vangel um jovem considerado anão pela sua baixa estatura e a jovem Elma, que foram presos na rua São José, Bairro Centro. A prisão deles, foi devido a uma denuncia de uma usuária, conhecida como Pedrita, ela foi comprar a droga e não recebeu o seu troco. Resolveu então ir até o sargento Mota da PM e denunciou os vendedores de crak.
Com eles a policia apreendeu 12 (doze) pedras de crak pronta pra venda, uma pequena quantidade de maconha e uma quantia de R$ 200.00 ( duzentos reais) em dinheiro trocado em notas de 5,10 e 20 reais.

 
 
Outro caso de apreensão de drogas:
O terceiro preso, nós ainda não temos o nome, a policia ainda esta colhendo mais informações. Ele foi preso por ser o principal suspeito de ser o dono de uma bolça encontrada com mais de 2 kg de maconha prensada e revestida em papel alumínio. A policia civil e militar, seguem em investigação.


terça-feira, 22 de julho de 2014

Coroatá-Ma: polícia prende dois homens acusados de tráfico de drogas

A prisão aconteceu na tarde de segunda-feira (21/07), na Rua São Francisco, Bairro Novo Areal. A polícia recebeu informações anônimas, de que dois homens em uma moto estavam com drogas. Os policiais foram até o local informado e conseguiram prender os dois suspeitos. Com eles foram encontrado drogas e R$ 164,00.
 
Os dois homens, Francisco Marquione dos Santos, 23 Anos e Clemilson Marcos Macedo Magalhas, de 32 Anos, negaram estar praticando tráfico de drogas. Disseram apenas que eram usuários.

A polícia disse que os dois homens estavam sendo monitorados por suspeita de tráfico. Um deles, o Clemilson, já tem passagens pela delegacia de Pedreiras e até por Pedrinhas, segundo a polícia Civil de Coroatá.
Francisco Marquione e Clemilson Marcos estão presos da DP local e à disposição da justiça. 

INFORMAÇÕES: ANTONIO SILVA - PROGRAMA COROATÁ NA TV

Mais um caso de Hanseníase, Mulher diz que seu esposo já foi no posto de saúde várias vezes e não foi atendido, quando procurou o hospital de Alto Alegre foi atendida e encaminhada pelo médico Dr. Liorne


A senhora dona Maria Neres disse e esta gravado em entrevista, que seu esposo Geremias com mais de 60 anos é portador de Hanseníase. Foi descoberto a poucos meses e ela vem sempre procurando o posto de saúde municipal e esperando também o agente de saúde que ela diz, que a mais de ano não passa  na casa dela. Ele afirma também que a vez que foi no posto de saúde, o atendimento e medicamento não tinha. Ela resolveu então procurar o hospital de Alto Alegre onde foi atendida pelo médico Dr. Liorne, ela disse que no hospital foi bem atendida por todos que trabalham lá, e que o seu marido fez todos os exames que precisava e foi encaminhado para um hospital com médico especialista para o caso do seu Geremias. Quem quiser conhecer o caso e saber se a família tem ou não assistência da secretaria municipal de saúde. O endereço é rua da Piçarreira esquina com a rua Debora Aroso, antiga rua do Matadouro.
A senhora Maria Neres finaliza sua entrevista pedindo para a prefeitura e sec. Municipal de Saúde fazer alguma coisa pelos portadores de hanseníase como o seu marido, porque o povo tá sofrendo.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Nataniel Farias Filho, que teve corpo queimado pela namorada, foi sepultado em São Luís

Depois de ser velado por parentes e amigos na Central dos Velórios, em nossa capital, o corpo de Nataniel Farias de Aguiar Filho, morto neste domingo (20), foi sepultado hoje (21) no Jardim da Paz, Bairro Anil.

Nataniel Farias estava internado em estado gravíssimo em uma Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Dr. Clementino Moura - Socorrão II, em São Luís, desde o último dia 7 de julho após ter 80% do corpo queimado.

Sua namorada, identificada como Marcela Martins Silva, é a principal acusada de ser a pessoa que jogou gasolina e ateou fogo na quitinete em que o casal morava.  Nataniel, 41 anos, dormia no quarto e sofreu queimaduras de 1º, 2º e 3º graus.

A acusada se apresentou à polícia, na manhã da sexta-feira (18), em São Luís. Marcela Silva chegou à acompanhada por seu advogado.

Segundo o delegado titular da Delegacia da Cidade Olímpica, Dissivaldo Gonçalves, Marcela negou o ato.

“Ela se apresentou e negou o ato, mas as provas colhidas indicam que foi ela. A vitima ainda contou para o irmão que Marcela estava lá e que a viu correndo após ter tocado fogo", afirma.

Ainda segundo o delegado, o inquérito só estará pronto a 30 dias, mas tudo indica que a prisão preventiva de Marcela possa acontecer antes, caso mais provas do caso sejam encontradas.

Buraco com lama dificulta o trafego de veiculos no centro da cidade.



Entrada da Rua São Lucas e Av: Rodoviária

Esta é a situação da rua São Lucas esquina com a Avenida Rodoviária no centro da cidade, essa água é permanente vindo de residências próximas e que se acumula no local. Dois buracos de lamas como podemos ver na imagem da fotografia e esses buracos já estão ai a mais de 16 meses. Os moradores reclamam já faz um bom tempo e a água que se transforma em lama, continua ocasionando danos a estrutura da rua.Uma moradora conhecida como Dona Mocinha, tomou uma atidtude e pagou uma pessoa para fazer uma pequena vala de um lado ao outro da rua pra água escorrer na sargeta e não ficar mais empossada em frente a casa dela. E o poder público até agora nada fez.

Vídeos AAN

Loading...